Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 04 de Julho de 2022

Ucrânia decide decretar Estado de Emergência em todo país por 30 dias

Por Tribuna em 24/02/2022
Ucrânia decide decretar Estado de Emergência em todo país por 30 dias

A Ucrânia vai decretar o Estado de Emergência em todo o país por 30 dias, exceto em Lugansk e Donetsk. A decisão, adotada pelo Conselho de Segurança Nacional, ainda deve ser aprovada pelo Parlamento.

Além do Estado de Emergência, as autoridades ordenaram a convocação de 36 mil reservistas.

De acordo com o Conselho de Segurança Nacional da Ucrânia, no momento, não foi tomada nenhuma decisão sobre uma mobilização geral, mas, caso seja necessária, a decisão será tomada.

Além disso, o Conselho afirmou que, se houver necessidade, a Lei Marcial será imposta imediatamente no país.

"Sobre a mobilização. Essa decisão será considerada à parte. Hoje, essa decisão ainda não foi tomada. Caso seja necessário, ela o será", afirmou Aleksei Danilov, secretário do Conselho Nacional de Segurança da Ucrânia.

O Conselho de Segurança ucraniano decidiu declarar o Estado de Emergência em todo o país, exceto nas regiões de Donetsk e Lugansk, devendo a medida ser aprovada ainda hoje (23).

"Discutimos o estado de emergência. Houve discussões animadas sobre esta questão. A decisão foi tomada de acordo com a nossa legislação. A Verkhovna Rada deve aprová-la em 48 horas", declarou.

Ucrânia comete 342 violações do cessar-fogo
Entretanto, segundo informações provenientes do leste do país, o Exército ucraniano bombardeou as povoações de Staromikhailovka e Vodyanoye, na república de Donetsk. Em apenas cinco minutos, as forças ucranianas dispararam 21 granadas de morteiro de 120 milímetros, proibidas pelos Acordos de Minsk.

Nos últimos sete dias, houve 342 violações do cessar-fogo por Kiev em Donetsk, com 4.473 projéteis de diversos calibres sendo disparados pelas forças ucranianas na região.

Aguarde..