Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 30 de Junho de 2022

“Quero acordar os 70% que não querem nem o Luiz ou o Messias”, diz Pablo Marçal, pré-candidato do Pros

Por Tribuna em 30/05/2022
“Quero acordar os 70% que não querem nem o Luiz ou o Messias”, diz Pablo Marçal, pré-candidato do Pros

Estratégia do político do Pros é atingir eleitores que não querem os candidatos da polarização e destaca que 30% do eleitorado vai votar no Lula e Bolsonaro. Pros divulgou carta oficializando nome de Pablo Marçal 

Por Vanessa Dainesi -  Giro S/A

Estratégia de Pablo Marçal é atingir eleitores que desejam ficar fora da polarização (Francisco Cepeda/Giro S/A) 

O empresário que reside em Alphaville, Pablo Marçal (Pros), afirmou em nova entrevista coletiva à imprensa que pretende fazer uma campanha propositiva para despertar o interesse dos eleitores que desejam fugir da polarização criada entre os pré-candidatos Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o atual presidente da República Jair Bolsonaro (PL). Para, 30% dos votos já estão comprometidos por apoiadores dos dois pré-candidatos, mas que 70% de eleitores que não querem nenhum dos dois. 

"Quero trabalhar para despertar o interesse dos 70% dos eleitores que não querem nem um, nem outro [Lula ou Bolsonaro]. Hoje, a gente já sabe que tem 15% dos votos que vão para o Messias, independente do que ele faça.

E temos outros 15% que vão votar no Luiz independente do que ele roube. Então, vamos trabalhar para acordar essa parte do eleitorado que deseja um país diferente", enfatizou.

O pré-candidato ainda destacou que o Brasil está entre as 10 principais nações do mundo e que precisa de uma política econômica inovadora e não de algo antigo. Ele afirma que não vê Ciro Gomes como um nome que pode unificar a terceira via. "Não vejo sinalização de um mercado apoiando o nome do Ciro Gomes.

Ele é um cara muito inteligente, mas defende uma política econômica do século passado, precisamos de algo inovador e moderno. Além disso, ele ainda ofende os empresários, chegando a chamar um deles, o dono do Coco Bambu de sonegador de impostos. Vejo que o Ciro é um Lula Gourmetizado", disse.

Marçal também defendeu o fim da reeleição e afirmou que é um político que vai ingressar na política com data para se aposentar. "Político tem que ter data para se aposentar.

Não acredito em reeleição, pois vejo que se perde em produtividade, então, já entro com a data da minha aposentadoria que será dia 18 de abril de 2027, ou seja, quatro meses após o fim do mandato.

Vou fazer isso e ajudar a formar novas líderes, pois a política é para que os heróis sentem na cadeira e não para ladrões e corruptos. Hoje sou uma piada para alguns candidatos, mas vou virar o pesadelo para esse povo [políticos corruptos]", finalizou. (Veja mais fotos da coletiva)

Pros confirma pré-candidatura de Pablo 

Na tarde desta quinta-feira (12), uma carta assinada pelo presidente nacional do Pros,  Marcus Holanda, confirmando a escolha de Pablo Marçal como pré-candidato à presidência na eleição de outubro. No documento, o presidente diz que a sigla vive um novo momento e que estão honrados em ter o empresário como pré-candidato. " Honrados pela filiação, concluímos que o melhor caminho para o PROS é ter Pablo Marçal como pré-candidato à Presidência do Brasil para escrever uma nova história e esse propósito guiará os nossos próximos passos rumo à prosperidade e a transformação social", garante no texto enviado à redação.

Leia a carta do presidente nacional do Pros na íntegra

Vivendo outro momento e de cara nova o PROS recebeu a filiação de Pablo Marçal no dia 30 de março, confirmando o início de uma caminhada de renovação e mudança de atitude no partido.

Honrados pela filiação, concluímos que o melhor caminho para o PROS é ter Pablo Marçal como pré-candidato à Presidência do Brasil para escrever uma nova história e esse propósito guiará os nossos próximos passos rumo à prosperidade e a transformação social.

A partir de agora, Pablo Marçal irá levar a sua mensagem para todo o Brasil e até o dia 5 de agosto, na Convenção partidária, a sua candidatura será oficialmente aprovada pelo partido, democraticamente.

Brasília, 12 de maio de 2022

Marcus Holanda

Presidente Nacional do PROS

Fonte e Imagens cedidas gentilmente por Giro S/A

Aguarde..