Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 27 de Maio de 2022

Preço médio da gasolina sobe pela 5ª semana; postos cobram até R$ 7,99

Por Tribuna em 08/11/2021
Preço médio da gasolina sobe pela 5ª semana; postos cobram até R$ 7,99

O preço médio da gasolina no país subiu pela quinta semana consecutiva. O valor nos postos passou de R$ 6,562, há duas semanas, para R$ 6,710.

No Rio Grande do Sul, o litro já é vendido a R$ 7,99, maior valor médio registrado no Brasil, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP). Em seguida, aparecem Minas Gerais (R$ 7,599), Distrito Federal (R$ 7,499) e Pernambuco (R$ 7,439), com as maiores altas.

Os dados da ANP mostram que, além da gasolina, diesel e gás de botijão (GLP) também viram preços aumentar na última semana.

No Rio Grande do Sul, o litro já é vendido a R$ 7,99, maior valor médio registrado no Brasil, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP). Em seguida, aparecem Minas Gerais (R$ 7,599), Distrito Federal (R$ 7,499) e Pernambuco (R$ 7,439), com as maiores altas.

Os dados da ANP mostram que, além da gasolina, diesel e gás de botijão (GLP) também viram preços aumentar na última semana.

“Quando o preço aumenta nos Estados Unidos, culpam o Joe Biden ou Trump; aqui culpam a mim. Eu não tenho como interferir no preço da Petrobras. Se eu interferir, vou responder por crime, eu e o presidente da Petrobras. A gente quer resolver o problema, mas não queremos o problema pra nós também. O ideal é ficar livre da Petrobras, privatizá-la pra muitas empresas”, disse.

Segundo dados do Observatório Social da Petrobras (OSP), os preços dos combustíveis estão nos maiores patamares do século.

“Desde março, o GLP vem mês a mês atingindo o maior valor do século. No caso do diesel, esse recorde vem sendo quebrado mês a mês desde maio. Na gasolina, o maior patamar de preço chegou em outubro”, disse o economista do OSP Eric Gil Dantas em entrevista ao jornal O Globo.

Publicidade
Aguarde..