Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 04 de Julho de 2022

Paes poderá apoiar Santa Cruz ou Freixo para o governo do RJ

Por Tribuna em 20/05/2021
Paes poderá apoiar Santa Cruz ou Freixo para o governo do RJ

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, que se filiou ao PSD, de Gilberto Kassab, afirmou que avalia o nome de Felipe Santa Cruz, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), como candidato ao governo do Rio de Janeiro. "Não quer dizer que será ele o candidato. Mas ter um quadro como o Felipe me acompanhando é uma forma de contribuir com o processo eleitoral no Rio", disse Paes a um jornalão.

Descarta apoiar frente contra Bolsonaro

O prefeito deixou claro que não descarta apoio ao deputado Marcelo Freixo (Psol). "Bom quadro, com quem converso. Me apoiou no 2º turno de 2018 e 2020, é um político muito mais flexível hoje, de mais diálogo do que já foi. Não tem veto a ninguém. O que veto é a expressão “frente contra”. Não participarei de frente contra Bolsonaro, vou participar de frente a favor do Rio.", frisou ele ao jornalão. Fonte ligada ao prefeito garante que ele tem mais segurança em apoiar Freixo que já interage com eles desde a campanha de 2020.

A candidatura de Santa Cruz

Embora seja prematuro avaliar o desfecho do apoiamento e o desenlace das articulações, o melhor caminho para o Felipe Santa Cruz é sair candidato por uma legenda de menor porte, mas que dê garantia da vaga ao governo. Do lado do presidente do Conselho Federal da OAB, Felipe Santa Cruz, existe a preocupação quanto o envolvimento de Paes com Sergio Cabral, Pezão e outros políticos presos por corrupção. "Não é fácil, mas o nome de Felipe é sem ranhuras e por essa razão poderá passar uma imagem de austeridade política para o eleitor", garantiu um de seus apoiadores.

Leia mais: Governo do Rio terá novo secretário de educação

Em política tudo é válido, e poderá ocorrer uma mudança de plano por parte do prefeito Eduardo Paes, que certamente sofrerá injunções de toda ordem, na tentativa de levá-lo a apoiar um nome com experiência política, e que possa agregar todas as correntes, inclusive de direita, que Paes tem fortes laços políticos. Não "seria apenas Freixo, ele pensa em outra opção vindo de um grupo, já que a Frente ele não vai compor", informou um aliado de Paes.

Por: Núcleo de Conteúdo TRIBUNAPress/Agência Brasil/Imagem: Prefeitura do Rio

Aguarde..