Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 15 de Agosto de 2022

INTERNACIONAL: Jornalista brasileira é vítima de golpe da Classe Business nos Estados Unidos

Por Tribuna em 16/07/2022
INTERNACIONAL: Jornalista brasileira é vítima de golpe da Classe Business nos Estados Unidos

Golpe na classe business aplicado por empresas de turismo nos Estados Unidos, deixa passageiros sem vôos, e causam perda do valor pago das passagens. 

A jornalista brasileira Fabiana Fernandes, foi um das vitimas dos farsantes que diariamente ludibriam dezenas de passageiros, oferecendo vantagens que não são cumpridas.

A agência atua preferencialmente nos Estado Unidos e na América do Sul. Ela se declara ”Agência de Viagens de Grandes Celebridades”, conforme mostra em seu site. Para consecução do “golpe”, e impressionar na hora do negócio os representantes exibem como clientes:  VIP Diplomats Air Charts que prevê Reis e Rainhas, Chefes de Estado, Primeiros - ministros, Embaixadores, Famílias reais, Governos e uma variedade de clientes.

A VIP Diplomats Air Charters é sofisticada conforme seu site  https://vipdacusa.com/

vipdacusa.com – vipdacusa.com

Chairman’s Message “Time has become an increasingly valuable commodity in today’s “get it here yesterday” environment. VIP DIPLOMATS AIR CHARTERS is dedicated to letting you make the most of your time by providing prompt, professional and convenient jet and turboprop travel.

vipdacusa.com

 

Indiano usa a empresa para venda das passagens

O sistema é bem convincente e a Vip Diplomats Air Charts têm muito mais exigências do que um avião Charter VIP PRIVATE. Os que acessam o site da empresa, caem na rede de negócio com passagens nada confiável.  

A agência envolve empresas parceiras e uma empresa indiana que certamente faz parte do envolvido principal que é um diplomata indiano nos estados Unidos que é o principal CEO e usa essa agencia para vendas de passagens com cotas de passagens aéreas ofertadas pelo o governo americano com tramite as companhias aéreas e que o mesmo utiliza como Voucher free para vender dentro dessa agência para provavelmente fazer lavagem de dinheiro.

Da Editoria/Núcleo de Notícias UHOnline/Imagem: Redes sociais

Aguarde..