Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 19 de Agosto de 2022

Governo arrecada R$ 3,3 bilhões com leilão de 22 aeroportos, leia mais:

O lance mínimo era de R$ 8,1 milhões. 

Por Tribuna em 07/04/2021
Governo arrecada R$ 3,3 bilhões com leilão de 22 aeroportos, leia mais:

O Governo Federal arrecadou nessa quarta-feira (7) o equivalente a R$ 3,3 bilhões em um leilão que passou 22 aeroportos para a iniciativa privada. Ao todo, sete concorrentes participaram dessa disputa. A Companhia de Participações em Concessões, subsidiária ao grupo CCR arrematou 15 aeroportos das zonas Sul e Central. Já a francesa Vinci ficou com o bloco norte (7 aeroportos). 

O bloco Central é composto pelos aeroportos de Goiânia (GO), São Luís (MA), Teresina (PI), Palmas (TO), Petrolina (PE) e Imperatriz (MA). O lance mínimo era de R$ 8,1 milhões. 

Leia também: Alerta na economia: 13 das 23 montadoras de automóveis no país estão paralisadas

Menos de um terço dos contribuintes enviou declaração do IR, leia mais:

No bloco Sul foram concedidos os terminais de Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Navegantes (SC), Londrina (PR), Joinville (SC), Bacacheri (PR), Pelotas (RS), Uruguaiana (RS) e Bagé (RS). O valor mínimo para esse lote era de R$ 130,2 bilhões. 

Estão no bloco Norte os aeroportos de Manaus (AM), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Cruzeiro do Sul (AC), Tabatinga (AM), Tefé (AM) e Boa Vista (RR). O lance mínimo havia sido estipulado em 47,9 milhões. 

Esses aeroportos irão receber investimentos de mais de R$ 6 bilhões durante um período de 30 anos. Segundo o governo federa, a expectativa é de que as concessões melhorem os serviços prestados aos consumidores e ainda atraiam investimentos privados.

Foto: Ministério da Infraestrutura 

Aguarde..