Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 07 de Dezembro de 2021

Escola cívico-militar de Angra dos Reis vai ser inaugurada em dezembro com a presença do presidente Jair Bolsonaro

Deputado Sargento Gurgel, prefeito de Angra, Fernando Jordão, e deputada Célia Jordão: unidos pela educação de qualidade

Por Tribuna em 25/08/2021
Escola cívico-militar de Angra dos Reis vai ser inaugurada em dezembro com a presença do presidente Jair Bolsonaro

Construção no bairro Frade está adiantada, após destinação de recurso pelo mandato do deputado federal Sargento Gurgel

A primeira escola-cívico militar de Angra dos Reis, na Costa Verde, deve ser inaugurada em dezembro com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). A parceria do Governo Federal com a Prefeitura foi possível através de interlocução realizada pelo coordenador da bancada do Rio de Janeiro no Congresso Nacional, Sargento Gurgel (PSL-RJ), que também destinou emenda para a construção da escola.

Em encontro com Sargento Gurgel, o prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão (MDB), afirmou ter convidado o presidente Jair Bolsonaro para a inauguração, prevista para ocorrer no Dia do Marinheiro, 13 de dezembro, no bairro Frade

“A obra da escola está bem adiantada, inclusive já liguei para o presidente e falei para inaugurarmos no Dia do Marinheiro. Agradeço a parceria com o governo federal e ao deputado Gurgel pela interlocução e emenda que destinou, foi fundamental para a construção”, revela o prefeito Fernando Jordão.

Apenas a capital fluminense integrava o Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim). No entanto, no início do ano, o deputado Sargento Gurgel iniciou a articulação de municípios com o Ministério da Educação (MEC) para a adesão de mais prefeituras. 

Mangaratiba, também na Costa Verde; Nova Iguaçu e Queimados, na Baixada Fluminense; São Pedro da Aldeia e Arraial do Cabo, na Região dos Lagos; e São Gonçalo, na Região Metropolitana, também receberão escolas cívico-militares, através da interlocução de Sargento Gurgel.

“A escola cívico-militar tem um modelo em que toda a sociedade sai ganhando por unir qualidade de ensino e formação de caráter. Crianças e jovens se desenvolvem com mais respeito, cidadania e amor ao país”, destaca Sargento Gurgel.

Segundo informações do MEC, devem ser abertas de 501 a 1000 vagas em cada município. Presente ao encontro do prefeito com o deputado, a primeira-dama de Angra dos Reis e deputada estadual, Célia Jordão (Patriota), também elogiou a iniciativa de Sargento Gurgel em apoiar a expansão do modelo cívico-militar.

“Todo investimento em educação é fundamental. Quando tiramos crianças das ruas e colocamos numa sala de aula, estamos investindo no capital humano para um futuro melhor”, afirma Célia Jordão.

Deputado Sargento Gurgel trabalha para ampliar o número de escolas cívico-militares no Estado do Rio de Janeiro; seis já estão garantidas 

Aguarde..