Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 26 de Maio de 2022

Conselho Federal dos Técnicos faz intervenção na Regional do RJ

Por Tribuna em 27/11/2021
Conselho Federal dos Técnicos faz intervenção na Regional do RJ

O Conselho dos Técnicos foi criado através da Lei 13.639/2018, e semana passada o CFT - Conselho Federal dos Técnicos iniciou um processo de intervenção no CRT/RJ - Conselho Regional dos Técnicos do RJ.

No último plenário do CFT - Conselho Federal dos Técnicos, foi decidido pela intervenção, porém, a Diretoria do CRT/RJ - Conselho Regional dos Técnicos, entendeu que a intervenção ocorreu de forma irregular e arbitrária, sem garantir o direito do contraditório e da ampla defesa, previsto na constituição de 1988, assim como, se a autoridade tiver ciência de irregularidade no serviço público é obrigada a promover a sua apuração imediata, mediante sindicância ou processo administrativo disciplinar, conforme Art. 143 da Lei 8.112/1990.

Existe em parte do colegiado a sustentação da tese de que houve um ataque político com intuito de colocar o SINTEC/RJ - Sindicato dos Técnicos, no cenário das eleições que ocorrerão em abril de 2022.

Historicamente a maioria dos presidentes de Conselhos Regionais, são ex presidentes do Sindicato e a Diretoria do Conselho Federal, entende que o conselho é feudo do Sindicato, que estão enfraquecidos economicamente por terem perdido o imposto sindical.

O Presidente Elizeu Medeiros, considera ter sido ousado em reduzir em tão pouco tempo, significativa despesas herdadas da administração anterior do finado presidente - Sirney Braga, falecido de COVID, em março de 2021.

O presidente Elizeu Medeiros, cancelou os vários contratos com suspeita de irregularidades, e fazia gestão para acabar com o aparelhamento político que existia no conselho, e teve necessidade de demitir alguns funcionários, que formavam grupos políticos com pessoas ligadas a um ex deputado federal.

O presidente Elizeu Medeiros, já tinha encaminhado denuncias com várias irregularidades ao MPF - Ministério Público Federal e a Polícia Federal. Elizeu também solicitou ao CFT - Conselho Federal, a imediata instauração de uma comissão de Sindicância, pois, segundo o Presidente mesmo com denúcias feitas por ele em 2019, o CFT - Conselho Federal, só veio a criar a comissão de sindicância em fevereiro de 2021, depois de muita insistência, e o resultado foi intervenção no RJ.

Elizeu, entende que essa crise institucional gerada, é muito ruim para a classe, foi uma decisão totalmente descabida e sem fundamento, e a pra piorar a gravidade dos fatos é que o denunciante ao mesmo tempo que passa por essa crise, os verdadeiros mal feitores nada assumiram até o momento.

Publicidade
Aguarde..