Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 27 de Maio de 2022

Conheça os maus hábitos financeiros que podem detonar sua empresa

Por Tribuna em 11/12/2021
Conheça os maus hábitos financeiros que podem detonar sua empresa

As finanças são parte fundamental do dia a dia de um empreendedor. Independente de como você chegou à abertura de sua empresa, compreender os conceitos e produtos financeiros é algo imprescindível para fazer as melhores escolhas, analisando os riscos e as oportunidades.

Entretanto, essa não é a realidade de muitos empreendimentos. Para uma empresa que tem o sonho de se tornar maior fazendo a coisa certa, os hábitos financeiros são um divisor de águas.

Cortar algumas práticas que podem até levar sua empresa à falência talvez seja a chave para chegar ao sucesso que você deseja. Saiba agora quais os piores hábitos financeiros para sua empresa e comece já sua transformação!

Confundir as contas pessoais e as da empresa

Esse é um dos hábitos financeiros mais comuns no mundo do empreendedorismo.

Mesmo sendo dono ou sócio, você precisa definir um “salário”, sabia? Isso ajuda a controlar tanto os seus gastos quanto os da empresa. Defina um valor mensal de retiradas que seja suficiente para você viver bem e cumpra-o. Evite retirar dinheiro da empresa sem um prévio planejamento e análise de impactos futuros.

Perder o controle dos gastos

Existem diversos motivos pelos quais empreendedores perdem o controle financeiro de suas empresas. Esse é um dos grandes riscos à saúde do seu empreendimento.

Mesmo que o negócio esteja crescendo e as vendas indo bem, não seguir um planejamento é um dos piores hábitos financeiros para empresas de qualquer tamanho. Lembre-se, o foco de todas os empreendimentos deve ser sempre em minimizar gastos e entregar a melhor operação possível.

Fique atento, por exemplo, à necessidade de contratação de tecnologias ou serviços de qualquer natureza. Estude os impactos ao máximo antes de se impressionar com uma ferramenta e pagar caro por algo que talvez você utilize por pouquíssimo tempo e não traga resultados.

Não gerir o fluxo de caixa

É fundamental ter controle das entradas e saídas em caixa. Ou seja, todas as contas devem registradas – os gastos fixos, as eventualidades e qualquer tipo de conta a pagar ou a receber. Esse fluxo de caixa deve ser analisado mensalmente.

As situações acima são apenas algumas dentre os diversos motivos que podem levar empresas à falência por má gestão financeira. Para ter êxito na gestão, o empreendedor precisa saber controlar as finanças e evitar os maus hábitos financeiros.

Por isso, investir na educação financeira é um bom começo para prevenir seu empreendimento de situações parecidas. Assim, você poderá investir na expansão de um negócio economicamente saudável.

 

 

Luis Claudio Souza Leão - Presidente do Instituto Coalizão Rio 

 

 

Publicidade
Aguarde..