Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 28 de Maio de 2022

Claudio Castro cria Bairro Seguro em São Cristóvão

Por Tribuna em 07/11/2021
Claudio Castro cria Bairro Seguro em São Cristóvão

O governador implementou em São Cristóvão, mais um programa Bairro Seguro. A proposta é trabalhar em conjunto com batalhões da localidade e estar mais próximo da sociedade em combate a criminalidade.

No cerimonial da solenidade, manifestaram em discurso de apoio os deputados Estaduais, Luiz Martins, Rodrigo Amorim, Chiquinho da Mangueira, Cel. Salema, Alexandre Knoploch, e o líder do governo Márcio Pacheco, dentre os presentes, os representantes do PRÓS/RJ, Dr. Sérgio Alves e Tunico de Souza vice presidente da fundação Leão XIII, e a sociedade, aplaudiram o pontos do discurso do governador.

Claudio Castro que iniciou seu discurso dizendo que alguns não querem que mudança no RJ, e a população passa por fase de empobrecimento, porém, já houve a recuperação de 100% dos emprego perdidos durante a pandemia.

Deu destaque que o Estado não deve a nenhum fornecedor e mantém os salários dos servidores em dia com atitudes que afastam as sombras da corrupção, e que o Estado voltou a crescer em infra estrutura para gerar empregos e retirou a sobre a recuperação do estado por ser o que melhor reagiu e recuperou da crise da pandemia.

Falou sobre a maior concessão com a venda da CEDAE, que o pessoal fala em ter conseguido R$ 22 bilhões, mas, deixou claro sobre a importância do investimento em saneamento previsto como básico na constituição de 88, e salientou que só é básico para quem tem dinheiro e pode pagar, e agora o estado poderá garantir esse saneamento para cada pessoa dos vários municípios em um prazo de 05 a 12 anos e que avançará com os projetos de limpeza da baía de Guanabara.

Neste dia acalorado, não só pelo discurso do governador, estavam presentes os agentes da CEDAE, distribuindo água gelada para hidratar os presentes.

Falou sobre o "Floresta do Amanhã", que é do RJ, o maior programa de reflorestamento de mata atlântico América Latina. 

Sobre a ciência e tecnologia, disse que no RJ, já tinham 15 anos, que as universidades não tinham o orçamento completo, e foi regularizado sem tirar um real em sua gestão, dando destaque ao compromisso de investimentos em pesquisa e educação para recuperar o estado.

Sobre a saúde, voltou a investir 100%, com aplicação de R$ 700 milhões, só no município do Rio, para zerar de uma vez por todas a fila do SISREG.

É um governo que olha para o povo, que já reabriu 04 restaurantes populares com previsão de mais trinta até o fim de 2022, que também já reabriu 07 FAETEC com a preocupação de dar qualificação profissional aos mais pobres, também disse sobre a importância do programa de auxílio emergencial - SUPERA RJ, que socorre mais de 100 mil famílias, dentre várias realizações, são 50 mil cafés da manhã por dia, nas estações de trem para os trabalhadores, com isso Estado do RJ, voltou a olhar para os mais pobre e para os que mais precisam.

Ao entrar no assunto da segurança pública, falou sobre a polícia civil que estava sucateada e que o governo está reabrindo todos os IML, e dando destaque sobre o assunto do evento, foi informado sobre os investimentos na polícia militar, que já conta com 31 bairros com o programa Bairro Seguro, que tem policiais 24hs, rodando os bairros, e os resultados são positivos com melhores índices de segurança pública dos últimos 10 anos, com apreensão de 5.300 armas, sendo desse total 278 fuzis, e que o Estado, está pagando a RAS (hora extra) em dia e fazendo a recomposição salarial, que isso é atitude de respeito a polícia e ao servidor, salientando que esse tempo é o tempo da recuperação do estado do RJ.

Complementando sobre os vários assuntos, foi informado que foram zerados os impostos do arroz, do feijão e do botijão de gás, e que trouxe investimentos de grandes empresas, como: Magazine Luiza, Amazon, Pernambucanas, BRF, que eram empresas que estavam saindo do estado que estão voltando e que só no mês de agosto, foram 19 mil novos empregos, que demostra a recuperação do RJ.

Claudio Castro, dentre as várias considerações de um longo discurso, disse que a coisa não é simples, senão, alguém já teria feito, e o que está sendo feito é um trabalho sério de controle de contas em busca de um Estado equilibrado e bom para população.

Matéria e fotos: Fernando Annibolete.

Publicidade
Aguarde..