Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 26 de Maio de 2022

Câmara puxa o freio dos militares e terão quarentena de quatro anos para se candidatar

Policiais, militares, juízes e procuradores que quiserem se candidatar em 2026 terão até o próximo ano para se afastarem das funções

Por Tribuna em 16/09/2021
Câmara puxa o freio dos militares e terão quarentena de quatro anos para se candidatar

Após articulação envolvendo líderes do Centrão e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), os deputados decidiram, reincluir no novo Código Eleitoral uma quarentena de quatro anos para juízes, procuradores, militares e policiais que queiram se candidatar já a partir de 2026.

Na semana passada, deputados aprovaram o texto-base do projeto por 378 votos a 80. Para a conclusão da matéria, os parlamentares ainda precisam terminar a votação dos chamados destaques - sugestões de alteração no texto principal.

Foram 273 votos a favor e 211 contra. Alguns partidos da oposição, como PT e PCdoB, orientaram a favor da medida, e o Planalto, contra.

Com isso, policiais, militares, juízes e procuradores que quiserem se candidatar em 2026 terão até o próximo ano para se afastar das funções.

Leia ainda: Bolsonaro tem apoio dos militares por causa das regalias e supersalários que chegam até 260 mil por mês

Bolsonaro não quer Exército nos quartéis

6300 militares da ativa e da reserva em cargos civis no governo

Militares são o maior custo da Previdência

Quem paga as pensões POLPUDAS de 138.000 filhas de militares? O POVO

Publicidade
Aguarde..