Informação, publicidade e prestação de serviços a comunidade | 28 de Maio de 2022

Bolsonaro volta a ameaçar com golpe um dia após dizer ser contra ruptura

"Só posso fazer alguma coisa se vocês desejarem", ameaçou Bolsonaro em conversa com apoiadores no cercadinho do Palácio da Alvorada e reafirma seu estilo morde e assopra

Por Tribuna em 20/08/2021
Bolsonaro volta a ameaçar com golpe um dia após dizer ser contra ruptura

DA REDAÇÃO - Tchutchuca com as instituições, Tigrão para apoiadores. A expressão que ofendeu Paulo Guedes serve para ilustrar como opera o presidente da República de extrema-direita Jair Bolsonaro (Sem partido), que adota um discurso para as instituições onde é obrigado a se enquadrar, e outro para seus apoiadores que precisam se manter inflamados.

Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada nesta sexta-feira (20), Jair Bolsonaro manteve seu tom golpista dos últimos tempos e, ao comentar a manifestação que será realizada em 7 de setembro, disse que só pode "fazer alguma coisa" se o povo desejar.

Apesar disso, o chefe do governo afirmou que sua declaração não é uma ameaça. “Não é uma palavra de ameaça a ninguém. Estaremos em São Paulo fazendo a mesma coisa. Pode ter certeza, vamos ter uma fotografia para o mundo do que vocês querem. Eu só posso fazer alguma coisa se vocês desejarem". Bolsonaro ainda comunicou que discursará no protesto do feriado da independência nacional.

Na quinta-feira (19), Bolsonaro disse que "da minha parte não haverá ruptura [institucional]. Mas provocam-nos o tempo todo", ‘esquecendo’ que as instituições apenas reagem às suas ações que visam desestabilizar a democracia desde que assumiu o governo. (Com informações do Brasil247, foto: reprodução de vídeo)

Publicidade
Aguarde..